Da fuga mundi à vita in mundo - Comunidades novas e outras metamorfoses da vida consagrada

  • José Eduardo Franco

Resumo

Apresentação e análise da natureza e missão dos novos modelos de consagração desenvolvidas na Igreja Católica especialmente depois do Concílio Vaticano II, os quais se situam na ponta avançada da evolução e metamorfose do monaquismo cristão. Chamadas comunidades novas ou assumindo outras nomenclaturas, esta diversidade de movimentos e carismas que se têm multiplicado no mundo eclesial inventaram formas de consagração integradas na vida do século de uma maneira multifacetada e adaptada, que englobamos no conceito operativo da flexi-consagração.

##plugins.generic.usageStats.downloads##

##plugins.generic.usageStats.noStats##
Publicado
Oct 23, 2013
Como citar
FRANCO, José Eduardo. Da fuga mundi à vita in mundo - Comunidades novas e outras metamorfoses da vida consagrada. Revista Lusófona de Ciência das Religiões, [S.l.], n. 13-14, oct. 2013. ISSN 2183-3737. Disponível em: <http://revistas.ulusofona.pt/index.php/cienciareligioes/article/view/3924>. Acesso em: 23 mar. 2019.