Francisco de Holanda e a Teoria da Arte pós-conciliar

  • Teresa Lousa

Resumo

Francisco de Holanda é um artista e teórico de arte português que viveu num período difícil de definir, entre o Renascimento e o Maneirismo, marcado por inúmeras contradições e mudanças que se reflectirão na sua obra artística e teórica. As consequências do Concílio de Trento deixarão a sua marca na produção artística em geral e na obra de Francisco de Holanda em particular, sobretudo na fase mais madura e tardia da sua actividade, pautada por valores contemplativos, ascéticos e religiosos
Publicado
Jun 19, 2014
Como citar
LOUSA, Teresa. Francisco de Holanda e a Teoria da Arte pós-conciliar. Revista Lusófona de Ciência das Religiões, [S.l.], n. 18-19, june 2014. ISSN 2183-3737. Disponível em: <http://revistas.ulusofona.pt/index.php/cienciareligioes/article/view/4488>. Acesso em: 31 mar. 2017.
Secção
Parte II: Olhares sobre a construção das identidades religiosas ocidentais ...na Modernidade