Novos horizontes e protagonistas, o mesmo objectivo

  • Jorge Proença Faculdade de Educação Física e Desporto

Resumo

Este é – e por tempo indeterminado – o último editorial que escrevo para a Gymnasium. Mas a nossa Revista continuará mais adulta, ambiciosa e independente de quem a fez nascer. Tal como acontece à mais amada criação humana, a quem dedicamos atenção e carinho sem limites e para quem os maiores sacrifícios são feitos livremente e com gosto, a quem tanto procuramos ensinar e tudo queremos que aprendam com um objetivo final: autonomia geradora de felicidade.

Estão criadas as condições e o tempo próprio para que o ‘passarinho’ deixe o ninho e voe para horizontes mais amplos, descobrindo-os e estabelecendo novas relações, levando e recebendo o alimento essencial à sua e nossa existência como seres inteligentes: conhecimento.

Um conhecimento, paradoxalmente, gerador de mais incerteza que segurança, destruidor do conforto mitológico ou religioso; um conhecimento que, questionando a realidade, nos interroga permanentemente, um conhecimento desafiador, quantas vezes perturbador, sempre responsabilizante.

Que o nosso ‘passarinho’  conserve a ânsia da descoberta e da inovação, mas, na mesma medida, a capacidade reflexiva e o poder de decisão de, a cada momento, destrinçar conhecimento e mistificação; seriedade – mesmo quando assume insuficiências e incertezas – e fraude, ainda que não deliberadamente cometida.

Naturalmente o seu novo ‘voo’ estará sujeito a climas calmos e reflexivos, como a tempestades e ventos cruzados. Importa prever um sistema de regulação que, não questionando a liberdade de ‘voo’, evite colisões onerosas e trajetórias contrárias ao destino final.

Num tempo em que publicar se tornou obrigação, medida de produtividade expressa em acientíficos critérios de ‘factor’ de impacto, mais que necessidade intelectual e contributo social ao debate, reflexão e consequente problematização da realidade, fonte autêntica de pesquisa e inovação, não é fácil a existência de uma Revista científica nova (ainda sem o tão procurado – e por vezes, comprado – factor de impacto). Sobretudo se ousar publicar em língua outra, que não o inglês.

Acontece que, apesar de uma globalização tendencialmente homogeneizante, diluindo e anulando a diversidade cultural, que não a estratificação social, existem identidades, processos e ritmos de desenvolvimento próprias. E, como escreveu recentemente Enrique Peña Nieto (presidente do México), a propósito da XXIV Cimeira Ibero-americana realizada em Vera Cruz este mês de Dezembro, “A Ibero-América é o resultado da nossa história partilhada e reflete as nossas raízes, os nossos valores e a nossa cultura”.

É também em nome de tudo o que nos aproxima, potenciando uma comunicação empática e uma mais profunda compreensão de pessoas e factores, que importa criar e renovar projectos numa das áreas sociais de maior impacto: o Desporto e a Educação (Física).

Foi este entendimento que nos levou a propor e, após esclarecedor debate, serem aprovados por unanimidade, novos horizontes para a Gymnasium, Revista da Faculdade de Educação Física e Desporto da Universidade Lusófona. A partir de hoje, a Gymnasium será a Revista da Rede Euroamericana de Actividade Física, Educação e Saúde (REAFES) – assim deliberou a sua Assembleia Geral, sob nossa proposta.

Procurando aprofundar a sua matriz e ampliar e multiplicar procedimentos que melhor conduzam aos mesmos objectivos, a Gymnasium deixa de ser a Revista especializada de uma Universidade para ser de muitas (catorze, neste momento) de vários países e, por isso mesmo, melhor cumprir a missão de ser um veículo privilegiado do conhecimento e da investigação produzida e publicada em português e espanhol.

À Gymnasium e aos seus novos responsáveis desejo o maior sucesso e uma vida longa e próspera; aos leitores e autores o meu agradecimento e a promessa de que continuaremos a encontrar-nos. E, porque Dezembro é tempo de renovada esperança, mesmo perante as maiores dificuldades, deixar um forte abraço natalício e votos um bom Novo Ano.

Jorge Proença

Director da Faculdade de Educação Física e Desporto

Universidade Lusófona

Publicado
Dec 19, 2014
Como citar
PROENÇA, Jorge. Novos horizontes e protagonistas, o mesmo objectivo. Gymnasium - Revista de Educação Física, Desporto e Saúde, [S.l.], v. 5, n. 1, p. 9-11, dec. 2014. Disponível em: <http://revistas.ulusofona.pt/index.php/gymnasium/article/view/4881>. Acesso em: 27 june 2017.