Sustentabilidade da investigação educacional: contributos da literatura sobre o conceito, fatores e ações

  • Cecília Guerra Universidade de Aveiro
  • Nilza Costa Universidade de Aveiro

Resumo

O estudo da sustentabilidade da investigação tem surgido nas políticas de investigação e na literatura como um elemento primordial para a promoção da qualidade dos projetos contribuindo, não só, para a melhoria do processo investigativo, como também, para a continuidade dos resultados obtidos após o final do período de financiamento. Todavia, a realização de estudos acerca da sustentabilidade da investigação continua a ser limitado. Acresce que as agências de financiamento da investigação têm vindo a solicitar, em concursos recentes e altamente competitivos, evidências do impacte e da sustentabilidade dos projetos, de forma a demonstrar que os recursos financeiros foram (e serão) bem gastos. Determinar formas de promover a sustentabilidade da investigação, nomeadamente no domínio educacional, bem como entender o seu processo, é tão importante quanto a promoção da inovação aquando o desenvolvimento da investigação. Neste artigo faz-se uma revisão de literatura sobre a sustentabilidade da investigação, apresentando-se o conceito, os fatores e ações para a sua concretização. Pretende-se contribuir para a qualidade da investigação educacional, na sua dimensão da sustentabilidade, mostrando a importância da integração de fatores-chave no desenvolvimento de projetos, influenciando as políticas educacionais, as agências de financiamento e os atores nela envolvidos (investigadores, professores, estudantes, …).


Palavras-Chave: sustentabilidade da investigação; investigação educacional; avaliação do impacte da investigação.

Publicado
Mar 4, 2017
Como citar
GUERRA, Cecília; COSTA, Nilza. Sustentabilidade da investigação educacional: contributos da literatura sobre o conceito, fatores e ações. Revista Lusófona de Educação, [S.l.], v. 34, n. 34, p. 13-25, mar. 2017. ISSN 1646-401X. Disponível em: <http://revistas.ulusofona.pt/index.php/rleducacao/article/view/5812>. Acesso em: 28 apr. 2017.