Paulo Mendes Pinto (2020) «Nota de Abertura», Ad Aeternum, 1, pp. 4-5. Disponível em: https://revistas.ulusofona.pt/index.php/adaeternum/article/view/7355 (Acedido: 3Março2021).