Entrevista a António Ramos Rosa

  • Maria Raquel Andrade Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias

Resumo

Entrevistámos o poeta algarvio num fim de tarde quente, no jardim do seu actual retiro, no Restelo. Chegava-nos de longe o bulício constante, quase monótono, da cidade. Em torno de nós, os torniquetes de rega banhavam regularmente a relva e uma onda de frescura invadia todas as coisas. Era bom estar ali, junto de um poeta sereno e sábio, que começou por exteriorizar e partilhar connosco, como é seu hábito, o pensamento que lhe ocupava o espírito, no momento da nossa chegada…
Secção
Entrevista