Liberdade, Igualdade e Fraternidade: Ontem e Hoje

  • Carlos Poiares ULHT

Resumo

A trilogia Liberdade, Igualdade, Fraternidade, concebida em pleno século das Luzes, sob inspiração do ideal do liberalismo, que iluminou a Revolução Francesa (1789), assinalou, a um tempo, um objecto de combate político e um projecto de mudança nas estruturas sociais vigentes durante o Estado absoluto, que imperou no Ancien Régime. Tratou-se, com efeito, de um objecto/projecto, situado, naturalmente, no plano das ideias, materializando-se na ambição revolucionária que se consubstanciou na tomada do Poder. Nessa época, o mundo assistiu a duas alterações de significado profundo na geometria dos poderes: em 1776, nos Estados Unidos da América, e em 1789, em França. Foram dois momentos ímpares na trajectória da Humanidade, marcando a História Universal pela vontade de mudar, o que passou por inscrever, por entre os códigos e as leis obsoletas, princípios que começaram então a ser básicos e que, na actualidade, apesar de tudo - de cartas, declarações e pactos internacionais, de constituições e leis fundamentais - continuam a ser exíguos para a libertação do Homem e para o reconhecimento e garantia dos direitos inalienáveis e impostergáveis que são os seus.
Publicado
2011-09-02
Secção
Artigos e Ensaios