Estudo do Efeito Hidratante de Emulsões O/A na Pele Humana / Study on the Moisturising Effect of O/W Emulsions on Human Skin

  • Helena Ribeiro UCTF - Laboratório de Dermofarmácia e Cosmética
  • JOsé Morais Laboratório de Fisiologia Experimental Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa
  • Luis Monteiro Rodrigues Laboratório de Fisiologia Experimental Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa
Palavras-chave: Emulsões O/A, Polímeros Aniónicos e Catiónicos, Oclusão, “Capacitância” PTEA / O/W emulsions, Anionic and Cationic Polymers, Occlusion, “Capacitance”, TEWL.

Resumo

Resumo Um dos principais objectivos da aplicação de produtos cosméticos é a modificação da capacidade da epiderme para conservar a água d e modo a manter a pele hidratada, flexível e macia. O presente artigo descreve estudos não invasivos realizados “in vivo” com o objectivo de avaliar o efeito da aplicação na pele de emulsões O/A contendo polímeros aníonicos (goma arábica) e catiónicos (Gafquat 755 e Merquat 550). A capacidade de retenção de água e o conteúdo hídrico da epiderme foram avaliados recorrendo à corneometria e à evaporimetria para medir a capacitância epidérmica e a perda transepidérmica de água ( PTEA). No nosso estudo, realizaram-se duas oclusões (num intervalo de 28 dias) com a finalidade de verificar a capacidade hidratante de emulsões contendo diferentes polímeros. Nas presentes condições experimentais, os resultados demonstram que os cremes contendo polímeros catiónicos, interagem com constituintes da epiderme contribuindo para a sua hidratação. Esta metodologia permitiu discriminar as preparações e as substâncias de controlo testadas relativamente à sua capacidade hidratante. Abstract Epidermal water retention is a crucial factor for keeping the skin supple and flexible in order to re-establish, or, to help to maintain SC emolliency and moisturising properties. The present article describes in vivo studies carried out with O/W emulsions containing different cationic (poliquaternium -7, poliquaternium-11) and anionic (acacia) polymers. The methodologies used to evaluate the biological effects were: epidermal “capacitance” and transepidermal water loss (TEWL). Through the dynamic assays involving the occlusion of the skin we can better understand the water retention capacity of the epidermis. In our study, two occlusions (28 days interval) were performed to verify the moisturising capacity of emulsions containing different polymers. Under these experimental conditions, results demonstrate that creams with cationics polymers, interact with the epidermis contributing for its hydration. This methodology allowed to discriminate the preparations and control tested substances concerning the moisturising capacity in accordance with the previously defined objective.
Edição
Secção
Ciências Biofarmacêuticas / Biopharmaceutical Sciences