A emancipação do sagrado e a paródia do religioso - Notas exploratórias sobre a criação musical na segunda metade do século XX

  • Alfredo Teixeira
  • Cristina Delgado

Resumo

«As convicções amolecem, perdem os seus contornos, e acabam por se encontrar na linguagem comum de um exotismo mental, numa koinê da ficção: as convicções acumulam-se naquela região em que se diz aquilo que já não se faz, região onde se teatralizam as questões que já se não conseguem pensar,e  onde se mesclam necessidades várias, ainda irredutíveis, mas desprovidas de representações credíveis»

(Michel de CERTEAU,La faiblesse de croire)

##plugins.generic.usageStats.downloads##

##plugins.generic.usageStats.noStats##
Publicado
Jul 18, 2014
Como citar
TEIXEIRA, Alfredo; DELGADO, Cristina. A emancipação do sagrado e a paródia do religioso - Notas exploratórias sobre a criação musical na segunda metade do século XX. Revista Lusófona de Ciência das Religiões, [S.l.], n. 3-4, july 2014. ISSN 2183-3737. Disponível em: <http://revistas.ulusofona.pt/index.php/cienciareligioes/article/view/4596>. Acesso em: 21 may 2019.
Secção
Parte I: Música e imaginários religiosos