REVISÃO DOS PARASITAS E OUTROS AGENTES INFECCIOSOS QUE AFECTAM AS POPULAÇÕES IBÉRICAS DE UM CARNÍVORO SOCIAL – O TEXUGO EUROASIÁTICO (Meles meles, linnaues 1758)

  • Luís Rosalino Universidade de Lisboa, Centro de Biologia Ambiental, Faculdade de Ciências de Lisboa

Resumo

O texugo euroasiático é um dos carnívoros ibéricos passível de funcionar como reservatório de algumas zoonoses que podem afectar os animais domésticos, outros animais silvestres ou o Homem, cuja ecologia (ex. sociabilização) promove a manutenção e dispersão de algumas patologias. A listagem dos parasitas e das doenças infecciosas que afectam este predador na Europa foi já profundamente detalhada, mas nesses trabalhos há uma ausência quase completa de referências às populações ibéricas. Assim, o presente estudo tem como objectivo efectuar uma revisão bibliográfica dos trabalhos que mencionem o texugo como hospedeiro de ectoparasitas ou reservatório de outros agentes infecciosos, nomeadamente, pulgas (ex. Pulex), carraças (ex. Ixodes), piolhos (ex. Trichodectes), helmintos (ex. Mastophorus), bactérias (ex. Mycobacterium) e protozoários (ex. Toxoplama).

Biografia Autor

Luís Rosalino, Universidade de Lisboa, Centro de Biologia Ambiental, Faculdade de Ciências de Lisboa

 

 

Edição
Secção
Revisões Bibliográficas