Contributo do serviço social para o entendimento sobre o condicionamento dos tempos livres das crianças que frequentam o 1º ciclo

  • Ana Marques
  • Miguel Rodrigues ISS/ULHT
Palavras-chave: serviço social, família, escola, infância, tempo livre

Resumo

Este artigo pretende clarificar a importância do Serviço Social para o entendimento do condicionamento dos tempos livres de crianças que frequentam o 1º ciclo na freguesia de São Domingos de Rana. Foi utilizada uma abordagem metodológica qualitativa, recorrendo à entrevista exploratória, comportada por uma amostra de visões e saberes de áreas interdisciplinares imprescindíveis para os objetivos definidos. Os resultados obtidos demonstram a evolução das estruturas familiares, com a conjugalidade marcada pelo paradoxo da existência de afeto e do tempo de qualidade entre pais e filhos. As características sociodemográficas das famílias residentes na freguesia são potenciadas pela sua génese e caracterizadas por uma população heterógena, interventiva na sociedade e com estabilidade económica e social. As instituições de resposta aos tempos livres na freguesia são classificadas pela escolarização, com a escola a adquirir maior representatividade, em resposta às necessidades dos pais. A família é destacada em contexto educativo e em contexto de mercado de trabalho, no sentido em que a sua articulação condiciona o desempenho destas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-07-27
Como Citar
Marques, A., & Rodrigues , M. (2021). Contributo do serviço social para o entendimento sobre o condicionamento dos tempos livres das crianças que frequentam o 1º ciclo. Revista Temas Sociais , (1), 208-223. Obtido de https://revistas.ulusofona.pt/index.php/temassociais/article/view/7776
Secção
Artigos