Para além da superfície, a atração do abismo que é Deus. A semântica cognitiva de Isabel da Trindade para tempo que se chama hoje

  • Maria Eugénia Magalhães PRAXIS

Resumo

Resumo

Este artigo tem por base a análise dos números 3 e 4 do tratado espiritual Céu na Terra, de Isabel da Trindade. O texto, na unidade destacada que lhe damos aqui, projeta a medula de uma experiência mística, carregada de uma semântica cognitiva, que brota da sua imersão no abismo do amor de Deus e que toca o insondável, desafia o pensamento e ceva a ação. A análise desta sua estrutura operativa, suportada em pilares bíblicos, psicológicos e místicos, em movimento espiritual intenso, levanta ao homem «vogante» dos nossos dias questões de fundo, algumas das quais nos propomos abordar neste artigo.

Palavras-Chave: Abismo, Mística, Isabel da Trindade, Humano, Século XXI.

 

Abstract

This article is based on the analysis of numbers 3 and 4 of the spiritual treatise Le Ciel sur la Terre, by Élisabeth de la Trinité. The text, in the unit we give it in the course of this article, projects the marrow of a mystical experience, loaded with cognitive semantics, which springs from her immersion in the abyss of God's love and touches the unfathomable, defies the thought and feeds off the action. The analysis of this operative structure, supported by biblical, psychological and mystical pillars, in an intense spiritual movement, raises fundamental questions for the «floating» man of our day, some of which we propose to address in this article.

Key-words: Abyss, Mystic, Elizabeth of Trinity, Human, 21st Century.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2021-06-29
Como Citar
Magalhães, M. E. (2021). Para além da superfície, a atração do abismo que é Deus. A semântica cognitiva de Isabel da Trindade para tempo que se chama hoje . Ad Aeternum, 1(2), 64-95. Obtido de https://revistas.ulusofona.pt/index.php/adaeternum/article/view/7686