1. INSPIRAR APRENDIZAGENS – MISSÃO PARA OS MUSEUS DO SÉCULO XXI

  • Isabel Margarida Melo Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias

Resumo

If you wish your schools of science and art to be effective, your health, the air, and your food to be wholesome, your life to be long, your manufactures to improve, your trade to increase, and your people to be civilized, you must have museums of science and art, to illustrate the principles of life, health, nature, science, art and beauty. (Sir Henry Cole, apud Roberts, 1997: 122)

 

Na história dos museus, lida no tempo e no espaço, podemos encontrar linhas de força de intensidade variável mas que, no tempo longo, se assumem como permanências. A educação museal, por muito que o conceito se tenha reformulado ao longo dos séculos, é uma dessas linhas de força que caracterizam a própria natureza do ser e fazer museológico.

Ao longo de 25 séculos, a história dos museus foi-se escrevendo em estreita relação com a evolução cultural da humanidade. Acontecimentos sociais e políticos marcantes trouxeram as suas consequências para o campo cultural e por sua vez originaram diferentes paradigmas de museu. Como refere Luis Alonso Fernández, o museu hoje transporta todas essas marcas…

Como citar
MELO, Isabel Margarida. 1. INSPIRAR APRENDIZAGENS – MISSÃO PARA OS MUSEUS DO SÉCULO XXI. Cadernos de Sociomuseologia, [S.l.], v. 32, n. 32, june 2009. ISSN 1646-3714. Disponível em: <https://revistas.ulusofona.pt/index.php/cadernosociomuseologia/article/view/493>. Acesso em: 19 oct. 2019.