Associações de pais e política educativa municipal: redes em construção

  • Marisa Silva Universidade do Porto
  • Alexandra Oliveira Doroftei Universidade do Porto
  • Eunice Macedo Universidade do Porto
  • Isabel Costa Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
  • Florbela Sousa Universidade de Lisboa
  • Helena Araújo Universidade do Porto

Resumo

Tendo em conta a descentralização de competências em matéria de educação entre o estado central e as autarquias, no âmbito de um projeto de investigação, foram entrevistados/as representantes de Associações de Pais e Encarregados/as de Educação de agrupamentos de escolas do ensino básico, com o objetivo de perceber as suas perspetivas sobre as orientações de política edu- cativa dos municípios, a apreciação que fazem das ações concretizadas nesse âmbito, bem como as formas de cooperação que se observam entre os vários atores. A apreciação relativamente ao trabalho desenvolvido é, na generalida- de, positiva, embora existam vozes que se distanciam da atuação municipal. Relativamente às orientações de política educativa, sobressaem a promoção do sucesso escolar e a igualdade de oportunidades, suportadas por ações que visam essencialmente o fomento das aprendizagens dos/as alunos/as e da qualidade de vida das famílias. O município é visto como um parceiro central e fundamental no âmbito da educação, colaborando com as escolas e com as en- tidades locais que trabalham no campo da educação. O trabalho em rede surge como uma estratégia utilizada e valorizada, particularmente na articulação das atividades desenvolvidas e dinamizadas em conjunto com todos os atores com influência no campo educativo, especialmente ao nível local.

Palavras-chave: pais; política educativa municipal; trabalhar em rede; sucesso escolar.

##plugins.generic.usageStats.downloads##

##plugins.generic.usageStats.noStats##
Publicado
Nov 1, 2014
Como citar
SILVA, Marisa et al. Associações de pais e política educativa municipal: redes em construção. Revista Lusófona de Educação, [S.l.], v. 27, n. 27, nov. 2014. ISSN 1646-401X. Disponível em: <http://revistas.ulusofona.pt/index.php/rleducacao/article/view/4827>. Acesso em: 20 july 2019.