Associações de professores e sindicatos em Espanha, durante a transição da ditadura de Franco para a democracia (1970-1983)

  • José Maria Hernández Díaz Universidade de Salamanca

Resumo

Este artigo analisa os processos do associativismo e a emergência do sindicalismo livre dos professores em Espanha que deixam a ditadura de Franco e se inserem na democracia e na liberdade. Contemplou-se um conceito abrangente de transição política, partindo da reforma educativa de 1970 até ao início do governo socialista em 1983 com as suas propostas de mudança educacional.Associativismo, sindicalismo e movimentos de renovação pedagógica configuram os âmbitos de construção da identidade profissional e democrática do amplo sector dos docentes dos diversos níveis de ensino em Espanha numa década-chave da sua história contemporânea, como é a dos anos 70 do século XX.

Palavras-chave: associativismo; sindicatos; transição; democracia; Franco.

Publicado
May 17, 2013
Como citar
HERNÁNDEZ DÍAZ, José Maria. Associações de professores e sindicatos em Espanha, durante a transição da ditadura de Franco para a democracia (1970-1983). Revista Lusófona de Educação, [S.l.], v. 22, n. 22, may 2013. ISSN 1646-401X. Disponível em: <https://revistas.ulusofona.pt/index.php/rleducacao/article/view/3279>. Acesso em: 12 nov. 2019.