Percepções de interdisciplinaridade de professores de Ciências e Matemática: Um Exercício de Análise Textual Discursiva

  • Valderez Marina do Rosário Lima Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
  • Maurivan Güntzel Ramos Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Resumo

 


O artigo apresenta resultados de investigação cujo tema central é a interdisciplinaridade. A pesquisa pretendeu responder à seguinte indagação: quais são as percepções de um grupo de professores que atuam na Educação Básica brasileira sobre interdisciplinaridade em sua relação com aprendizagem em Ciências e Matemática? Os sujeitos de pesquisa foram 40 professores ingressantes em um curso de pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática oferecido por uma universidade situada ao sul do Brasil. A coleta dos dados ocorreu por meio de narrativas produzidas pelos participantes e, para tratamento das informações, utilizou-se o método de Análise Textual Discursiva. A análise originou três categorias, denominadas: Caracterizações de interdisciplinaridade; Interdisciplinaridade como ilusão de mudança no espaço pedagógico; Interdisciplinaridade como possibilidade real de mudança no espaço pedagógico. Os resultados do estudo mostram que os participantes da pesquisa percebem a interdisciplinaridade de modo pouco claro, superficial e genérico, associando o tema apenas à integração de disciplinas. Entretanto, o conceito está mais claro para um pequeno grupo de docentes que vinculou interdisciplinaridade ao uso de pesquisa em sala de aula.


Palavras-chave: análise textual discursiva; interdisciplinaridade; ensino de Ciências e Matemática; percepções de professores; Educação Básica.

Publicado
Aug 20, 2017
Como citar
LIMA, Valderez Marina do Rosário; RAMOS, Maurivan Güntzel. Percepções de interdisciplinaridade de professores de Ciências e Matemática: Um Exercício de Análise Textual Discursiva. Revista Lusófona de Educação, [S.l.], v. 36, n. 36, aug. 2017. ISSN 1646-401X. Disponível em: <http://revistas.ulusofona.pt/index.php/rleducacao/article/view/5997>. Acesso em: 26 sep. 2017.