Aprender a ser professor: proposta de um modelo de análise

Resumo

Neste artigo apresenta-se uma proposta de modelo de análise de aprendizagem profissional que tem por base um conjunto de contributos teórico-conceptuais referentes à educação e formação de adultos nas sociedades contemporâneas. O modelo de análise integra seis dimensões interdependentes centradas, respetivamente, nos espaços de aprendizagem; na temporalidade e tempos de aprendizagem; nos tipos de aprendizagem; nos conhecimentos envolvidos na aprendizagem; nos incentivos ao envolvimento em aprendizagem; e nas intencionalidades subjacentes à aprendizagem. Assumindo o pressuposto de que aprender uma profissão, mormente a de professor, é um processo que se prolonga ao longo da vida e se estende ao largo da vida, complementa-se a proposta de modelo de análise considerando perceções de professores sobre esse processo. Estas perceções foram recolhidas através de entrevistas a cinco professores dos ensinos básico e secundário da região de Lisboa. Globalmente, procura-se favorecer uma perspetiva holística da complexidade dos processos de aprendizagem profissional que permita a compreensão mais aprofundada dos mesmos, contribuindo para orientar pesquisas educativas futuras sobre como se aprende a ser professor que apoiem o planeamento e a intervenção em ofertas formativas iniciais e contínuas dirigidas a professores.

Palavras-chave: professores; formação inicial; formação contínua; aprendizagem profissional

   
Publicado
2021-03-26